Histórico e atualidade do IFAT e do ITTA

O Instituto Teológico São Tomás de Aquino - ITTA e o Instituto Filosófico Aristotélico-Tomista - IFAT são propriedades da Sociedade Clerical de Vida Apostólica de Direito Pontifício Virgo Flos Carmeli - SVAVFC, vinculada carismaticamente com a Associação Internacional Privada de Fiéis de Direito Pontifício Arautos do Evangelho.

O ITTA e o IFAT estão erigidos canonicamente na diocese de Bragança Paulista e gozam de personalidade jurídica pública na Igreja. A finalidade dos Institutos é, de forma particular, a de promover a formação filosófica e teológica dos candidatos ao sacerdócio da SVAVFC.

Os Institutos se originaram entre os primeiros membros dos Arautos do Evangelho, na década de 60, muito antes da sua ereção canônica como Associação Privada de Fiéis, os quais, ao se dedicarem com empenho à evangelização, constaram a necessidade de aprofundar seus conhecimentos de doutrina católica, adquirindo uma formação teológica profunda.

Foi então que, em seu caminho fundacional, no qual destaca-se a carismática figura de Mons. João Scognamiglio Clá Dias, EP, esse grupo inicial dos Arautos recorreu a reconhecidos expoentes da Filosofia e da Teologia, especialmente catedráticos de Salamanca: Pe. Arturo Alonso Lobo O.P., Pe. Marcelino Cabreros de Anta C.M.F., Pe. Victorino Rodríguez y Rodríguez O.P., Pe. Esteban Gómez O.P., Pe. Antonio Royo Marín O.P., Pe. Teófilo Urdánoz O.P., Pe. Armando Bandera O.P., etc. Assim, desde os seus primórdios os estudos teológicos e filosóficos dos Arautos tiveram uma preponderante influência dominicana.

O desenvolvimento da atividade evangelizadora, e a adesão de novos membros, em grande número, levou à organização em 1982, de um curso regular, sob a orientação dos referidos teólogos, denominado "Curso Teológico São Tomás de Aquino". Posteriormente tomou-se como base a "Ratio Fundamentalis Institutionis Sacerdotalis" de 1967 e, mais adiante, completou-se a grade curricular e a orientação acadêmica seguindo as indicações do documento da CNBB "Diretrizes Básicas para a Formação dos Presbíteros na Igreja no Brasil".

De 1988 a 1999 foram realizados dois sexênios de formação filosófico-teológico, inspirado nos estudos do Angelicum de Roma. Dos alunos egressos destes cursos mais de 40 receberam já a ordenação sacerdotal. No Ano Santo de 2000 foram reorganizados os estudos do "Curso São Tomás de Aquino", aumentado consideravelmente o número de seus alunos e a assiduidade das turmas formadas.

Com a aprovação pontifícia dos Arautos do Evangelho, a 22 de fevereiro de 2001, a Associação teve a partir de então grande desenvolvimento que, entrementes, o Curso tinha se transferido do centro de São Paulo para novas instalações nas proximidades da cidade, em bela e aprazível região montanhosa, na Serra da Cantareira, já dentro da Diocese de Bragança Paulista. Em 15 de agosto de 2005, o Bispo dessa diocese, Dom José Maria Pinheiro, reconheceu o Curso erigindo dois Institutos Diocesanos, um Filosófico e outro Teológico, com a recomendação de afiliar-se a uma Universidade Eclesiástica.

O Instituto Teológico São Tomás de Aquino e o Instituto Filosófico Aristotélico-Tomista passaram por nova reformulação em 2006, quando Dom Benedito Beni dos Santos, então Bispo auxiliar de São Paulo e encarregado dos seminários da arquidiocese, assumiu o cargo de Supervisor Geral da Formação dos Arautos do Evangelho, que mantém até hoje. Atualmente ele é Bispo diocesano de Lorena (SP) e membro da Comissão Episcopal para a Doutrina da Fé, da Conferência Episcopal dos Bispos do Brasil - CNBB.

No ano de 2009, depois da aprovação Pontifícia da SVAVFC, o Bispo de Bragança Paulista, D. José Maria Pinheiro, houve por bem aceitar o pedido de transferência de propriedade do ITTA e do IFAT dos Arautos do Evangelho para a Virgo Flos Carmeli. A partir da efetivação dessa transferência o ordinário com autoridade sobre o Instituto passou a ser o Superior Geral da mencionada Sociedade.

Em 2011 estão funcionando no IFAT o triênio completo de Filosofia, com 18, 20 e 24 alunos masculinos respectivamente, completando um total de 62 alunos. Para o ano 2012 projeta-se um número semelhante no alunado, levando em conta a quantidade de jovens cursando o último ano do ensino médio no Colégio Internacional Arautos do Evangelho.

No tocante ao ITTA , em 2011 estão funcionando o primeiro, o terceiro e o quarto ano de Teologia, com 17, 9 e 13 alunos respectivamente, totalizando 39 alunos. Para o ano 2012 projeta-se 24 novos ingressantes que terão concluído os estudos filosóficos.