A Sociedade Virgo Flos Carmeli foi fundada por Mons. João Scognamiglio Clá Dias, EP, tendo sido erigida pelo então bispo diocesano de Avezzano, Itália, Dom Lucio Angelo Maria Renna, O.Carm., a 15 de junho de 2006. Posteriormente, a Sociedade foi transferida para a Diocese de Bragança Paulista, no Brasil, e recebeu do Papa Bento XVI sua aprovação pontifícia em 2009. (leia mais) Para a obtenção da aprovação pontifícia da Sociedade, Dom José Maria Pinheiro, Bispo Diocesano de Bragança Paulista, expunha numa missiva, enviada em fevereiro de 2009 ao Emmo. Cardeal Franc Rodé, CM, o então Prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, como os membros de Virgo Flos Carmeli possuíam uma longa experiência de vida comunitária e de consagração às atividades evangelizadoras, com os compromissos pessoais de castidade, pobreza e obediência. Por outro lado, o grande desenvolvimento da Sociedade tinha alcançado tal amplitude que se tornava impossível alargar sua solicitude para além das fronteiras da Diocese de Bragança Paulista. Assim, a ereção pontifícia da Sociedade constituiria a assimilação de um status de fato por um de direito. Além da carta de Dom José Maria Pinheiro, somou-se a seu pedido o de dezenas de outros irmãos no episcopado, solicitando ao Sumo Pontífice a aprovação pontifícia de Virgo Flos Carmeli. Assim, a Sociedade Virgo Flos Carmeli recebeu a aprovação pontifícia concedida pelo Papa Bento XVI na audiência do dia 4 de abril de 2009 ao Emmo. Cardeal D. Franc Rodé.
×
×

Carrinho